ESTUDO BIOPSICOSSOCIAL EM PACIENTES PORTADORES DE ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL

Daiane Alves da Silva, Ana Paula de Oliveira de Castro, Diogo Pereira Cardoso de Sá

Resumo


Introdução: Apontado como a patologia vascular que mais acomete o Sistema Nervoso Central (SNC), o Acidente Vascular Cerebral (AVC) é tido como uma doença grave, caracterizada pela perda da independência e, muitas vezes, da autonomia, sendo considerada a maior causa de incapacidade em adultos. Objetivo: Avaliar o estado Biopsicossocial de pacientes portadores de AVC, por meio da análise da autoestima, pessimismo em relação ao futuro, qualidade do sono, qualidade de vida, conhecimento acerca dos direitos sociais, circulação local e acessibilidade na cidade de Barreiras-BA. Metodologia: Trata-se de um estudo quantitativo descritivo de caráter transversal, realizado com uma amostra de 10 pacientes com diagnóstico de AVC, 3 restaurantes, 3 igrejas e 3 instituições de ensino superior. Para realização da coleta de dados foi utilizado a Escala de Rankin Modificada, Inventário de Desesperança de Beck (BHS), a Escala de Autoestima de Rosenberg (RSES), o Índice de Qualidade de Sono de Pittsburgh (PSQI), a Escala de Qualidade de Vida Específica para o AVE (EQVE-AVE), o Questionário de Direitos Legais, o Questionário de Circulação e um checklist de acessibilidade adaptado. Resultados: Segundo os instrumentos utilizados, a maioria dos participantes, que não possuíam incapacidades significativas, apresentavam uma autoestima satisfatória, uma boa qualidade de sono e de vida, além de um bom conhecimento acerca dos direitos sociais garantidos pela constituição. Em relação à acessibilidade dos locais avaliados, observou-se que nenhum desses atenderam em sua totalidade as exigências, sendo as Instituições de Ensino Superior os locais com maior conformidade. Conclusão: Constata-se que os pacientes avaliados apresentam um bom estado biopsicossocial, com alterações evidenciadas somente nos aspectos de circulação e acessibilidade na cidade.

Palavras-chave: Acessibilidade Arquitetônica; Acidente Vascular Cerebral; Qualidade de Vida.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.