O Centro Universitário São Francisco de Barreiras (UNIFASB), através do Programa de Inovação & Tecnologia (PI&T), aplicado à Saúde, está com um projeto de impressão de equipamentos de proteção em 3D, destinados a suprir as necessidades da região Oeste da Bahia. Na última semana de julho, foram doadas mais de 100 máscaras protetoras individuais conhecidas como faceshield e adaptadores de máscaras, para uso e proteção contra o novo Coronavírus.

Na quarta-feira (29), o 17º Grupamento de Bombeiros Militar (17ºGBM), recebeu 15 unidades e na sexta-feira (31) a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) ganhou 50.  O UNIFASB também foi contemplado com 40 unidades. “O Programa de Inovação & Tecnologia tem o propósito de produzir qualquer tipo de material com certificação na área da saúde para ajudar órgãos e entidades fornecendo equipamentos de qualidade”, avalia Eduardo Cena, coordenador do PI&T.

Os equipamentos de proteção foram produzidos em impressora 3D, resultado de uma parceria com o Núcleo de Tecnologias Estratégicas em Saúde (NUTES), da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB). O UNIFASB iniciou o processo de produção pioneiro neste ramo. Já em fase de estruturação, o PI&T busca contar com novas parcerias para continuar contribuindo para a melhoria da saúde pública no Oeste da Bahia.

No 17ºGBM, o Capitão Nero destacou a importância de salvar vidas. “A situação do novo Coronavírus é delicada e todo cuidado é pouco; os bombeiros estão à disposição para atender qualquer chamado de ajuda, já que o UNIFASB possui essa tecnologia vamos firmar parcerias para continuar ajudando quem precisa”, comenta ao analisar os equipamentos e frisar que são de qualidade superior aos comprados no mercado.

De acordo com o assessor especial junto à entidade mantenedora do UNIFASB, Roberto Marden Lucena as parcerias vão surgindo de acordo com as demandas. “Vamos precisar de 150 unidades para o uso de nossos professores e corpo administrativo. Para tanto, a gestão do UNIFASB aguarda a avaliação e aprovação do Plano de Contingenciamento apresentado junto ao Comitê de Operações Emergenciais (COE) da Prefeitura Municipal", ponderou.

Já a coordenadora da UPA, Jamile Carvalho, agradeceu a iniciativa e destaca que os EPIs são cruciais para a proteção dos profissionais que estão trabalhando na linha de frente nessa pandemia. “Acima de tudo, precisamos de cuidados na prevenção; esses equipamentos doados pelo UNIFASB nos garantem mais segurança ao tratar de pacientes com sintomas da Covid-19”, destacou.