O Centro Universitário São Francisco de Barreiras (UNIFASB), formou mais duas turmas, Agronomia e Psicologia nesta quarta-feira, (11) no ginásio de esportes da instituição. Em clima de alegria e grandes expectativas acadêmicos, docentes e reitores celebraram mais uma conquista de formação acadêmica e principalmente, evolução institucional.

“O mérito dessas turmas é totalmente de cada aluno e principalmente de suas famílias, que acreditaram nos nossos serviços educacionais, mesmo em épocas de dificuldades”, destacou o reitor André Bergamo ao falar da importância de uma instituição com qualidade de ensino para a região há 20 anos.

A formanda em Psicologia, Gislane Carvalho, fortalece a ideia que o UNIFASB é referência em ensino, “quero continuar estudando com especializações, vou fazer meu nome no mercado e conquistar um emprego dos sonhos”, enfatizou. Já Francisco das Chagas Neto, que se formou em Agronomia, destacou que tem boas perspectivas em relação ao mercado de trabalho, “antes mesmo de me formar, já consegui um estágio e tenho esperança de ser contratado como agrônomo”, comemorou.

Para o coordenador do curso de Agronomia, Jorge da Silva, o curso, desde a sua implantação no UNIFASB há 12 anos, tem papel relevante na oferta de uma educação de qualidade e na profissionalização de pessoas na região Oeste. “Cada ano muda para melhor, além de grandes propriedades agrícolas, também avançamos na agricultura familiar, pesquisas, valorização do ser humano no campo e estamos focados em construir uma região Oeste cada vez mais capacitada, nosso papel é qualificar profissionais cada vez melhores e mais atuantes neste mercado promissor”, evidenciou.

Em clima de alegria e comemoração a paraninfa da turma de Psicologia, Beatriz Rabelo destacou a importância de uma boa formação na área. “Ser psicólogo é promover a saúde, como professores estamos empenhados em formar turmas cada vez mais competentes e profissionais”. Após a cerimônia, professores dos dois cursos foram homenageados pelos formandos e receberam placas de admiração e respeito, pelos anos de dedicação junto aos acadêmicos.